DE FIOS E SONHOS

Imagem

Jazem ainda

nas paredes abandonadas

doces lembranças de outrora.

Arrastadas pelo tempo

as cores se foram.

A brisa e a luz teimosas

insistem num último suspiro.

Desfiam sonhos de passado.

 

Naquele mundo eu fui feliz.

 

De partida, ainda perdida,

sentindo a brisa e a luz,

fio sonhos de futuro.

 

Clau Assi

(Poema recitado no Sarau da Poemas à Flor da Pele  –  Centro Cultural São Paulo em 12/01/2013 – Foto Celso Azevedo)

Anúncios

3 responses

  1. Clau querida é sempre um orgulho, poder ler seus poemas, estar pertinho de seus sonhos,compartilhar seu talento parabéns minha amiga um grande beijo Dora Dimolitsas

  2. Marta Eloiza Poetisa | Responder

    Muito talentosa.. um doce de pessoa.. tive o prazer de conhece-la e ouvi-la pessoalmente! Tudo encantador! Bjs mill!!..

  3. Clau, sua poesia me levou ao sitiozinho onde nasci. Lá , junto com meu irmão enterrei tantas lembranças, mas que jamais me abandonarão. É a vida… Temos o futuro a nos arrastar, não é mesmo? Parabéns mais uma vez , amiga! Sua sensibilidade é nata e rara. Você é a poesia e a poesia é você. Bjs!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: