ABRIGO

Imagem

Te abrigo em mim
amor que se fez homem;
que me escolheu mulher.

Te abrigo em mim 
alma que se fez gêmea;
que me escolheu metade.

Clau Assi

Anúncios

3 responses

  1. Simples assim; belo por demais. Um abraço, querida Clau, e parabéns!
    Basilina

  2. Marília Pacheco Ribeiro Linhares | Responder

    Mto lindo!!!!minha amiga poeta,parabéns!

  3. Bom dia Clau, estas muito inspirada, esta lindo seu poema…. bjks saudosas que agora aos poucos irão diminuir.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: