FIM

Imagem

Coleção de vergões ,

em lágrimas cavada,

alma esgarçada

 

– overdose de dor –

 

Clau Assi

Anúncios

5 responses

  1. Oi Glau, tudo bom? Como acho o conteúdo que vc compartilha bem original e de grande sensibilidade, nominei o seu blog ao premio http://ritmodasletras.wordpress.com/2014/03/24/the-cracking-chrispmouse-bloggywog-award/. Obrigado por compartilhar sua inspiracao e párabens! Por favor siga as instrucoes do premio através do post que inclui neste comentário. Abraco

  2. São dores que me maltratam, sovam o meu corpo e fazem o meu coração sofrer, pobre coração forte e combativo jamais se rende, luta para superar as dores, não se entrega, dia e noite sob açoite constante insiste em badalar.
    Dores estão presentes nos desejos reprimidos, na cobiça da matéria, nas antíteses do pensamento, ancoram em ilhas proibidas, açoitam meus olhos, causam tormentos, tatuam a minha alma, condena-me ao sofrimento.

    Trecho do poema “AS DORES QUE SINTO” publicado no blog:
    www. deixeoverbofluir.blogspot.com

  3. Profundos sentimentos de dor. Lindas palavras!

  4. Clau, super bem bolada essa sua “overdose de dor”. Gostei muito da sua inspiração. Valeu!
    Manoel

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: